quinta-feira, julho 05, 2012

Voluntário de Centro de Conservação perde dedos e orelhas em briga com Chimpanzés.

Johanesburgo 30 jun, (EFE).- Um jovem americano está estado crítico após ser brutalmente atacado por dois chimpanzés em um centro de conservação de primatas em Nelspruit, na África do Sul.

O jovem foi achado pelos serviços de emergência com feridas em todo o corpo. Os chimpanzés arrancaram uma orelha, vários dedos do jovem e rasgaram parte dos músculos de uma perna e um braço do jovem, segundo confirmou neste sábado à Agência Efe o porta-voz dos Serviços de Emergências da África do Sul (ER24), Werner Vermaak.

"O ataque aconteceu ontem pela tarde, supostamente quando um grupo de turistas realizava uma visita ao centro de conservação de chimpanzés", afirmou Vermaak.

"Os dois chimpanzés o agarraram pelas pernas e o arrastaram", explicou Vermaak. O funcionário confirmou que o jovem americano, Andrew Oberle, que está na África do Sul trabalhando como voluntário, permanece internado num hospital de Nelspruit bem longe dos Chimpanzés que alegaram só estar brincando.

O ataque aconteceu no "Chimp Eden", um centro de conservação de primatas do Instituto Jane Goodall, mas a pergunta que não quer calar é se os primatas que estão acostumados a conviver com humanos e deles receber assistência teriam simplesmente antipatizado com o jovem ou se ele deu algum motivo.

ESTA INFORMAÇÃO FOI:

0 Comentários sobre esta postagem::

Postar um comentário

Comentários inoportunos, idiotas ou ilegais não serão aceitos.