sábado, julho 14, 2012

Reino Unido acredita oficialmente em visitas extraterrestres

Funcionários do governo da Grã-Bretanha acreditam que os alienígenas visitam a Terra e sugerem o aproveitamento da tecnologia UFO para a defesa do país. Os arquivos do ministério da Defesa revelaram que a equipe acredita que os aliens estariam nos visitando em reconhecimento militar, pesquisa científica ou turismo.

Em uma coletiva de 1995 agora publicada pelo Arquivo Nacional, um oficial de mesa disse que conhecer a finalidade dos alienígenas precisa ser estabelecida como uma "questão de prioridade", acrescentando que não parece ser intenção hostil.

O oficial não identificado disse que "é essencial que se estude o caso com a mente aberta", ainda explicando "o que é fato científico de hoje pode não ser verdade amanhã".

Deixando claro que ele não fala com homenzinhos verdes todas as noites, ele disse: "Nós temos uma missão que não está cumprida. Ou seja, Descobrir se os Alienígenas estão realmente nos visitando como acreditamos que estejam. E se eles existem, não sabemos o que são, sua finalidade ou se eles representam uma ameaça e precisamos descobrir".

"As visitas a Terra aparentemente são raras, devemos ser um planeta insignificante em um sistema solar desinteressante, mas a baixa frequência não significa que elas não ocorram. Muito embora a maioria das centenas de avistamentos relatados por década somente no Reino Unido não possam ser acreditadas, algumas delas não podem ser descartadas", complementou.

Fonte: Zeenews
ESTA INFORMAÇÃO FOI:

6 Comentários sobre esta postagem::

Anônimo disse...

Um oficial que não aparece o nome, uma entrevista que foi "coletiva", mas que só foi agora revelada pelo "arquivo nacional", e nenhuma, absolutamente nenhuma referência ao arquivo em que está a suposta entrevista?

Quando eu digo que a ufolatria é uma religião, brigam comigo...

Antiguidades e literatura disse...

Tá mais em cima da moita que tudo... Ou eles realmente acreditam ou desacreditam. Quanto as intenções, se eles tivessem intenções obscuras, já teriam realizado há muito tempo e nem teríamos tempo e meios de defesa.

Anônimo disse...

o arquivo nacional do reino unido é aberto ao público, basta procurar na página deles, o nome do oficial não foi identificado mas a presença deste documento nos arquivos comprova a veracidade, o anonimato só demonstra que é algo compartilhado por muitos membros do ministério da Defesa do Reino Unido.

Anônimo disse...

"E se eles existem, não sabemos o que são" <--- Eles não sabem se eles existem??? certo é aberto ao público cadê o link? quero conferir o original em inglês.

MUNDOEMCOLAPSO.BLOGSPOT.COM disse...

Como disse o comentarista anônimo, esta informação é proveniente do Arquivo Nacional do Reino Unido, visite a página oficial do Governo de lá e terá acesso ao link.

Esta notícia trata-se de uma tradução, a fonte foi citada e já publicamos anteriormente assuntos relacionados a Ovnis e ao Arquivo Nacional do Reino Unido.

Ficamos chateados pela falta de identificação do oficial, mas trata-se de um procedimento comum, assim como é comum governos dedicarem-se a investigar coisas plausíveis, que embora não sejam comprovadas, não podem ser descartadas.

A ciência não nos traz certezas, ela nos traz dúvidas e nunca terá uma verdade absoluta em torno de qualquer hipótese científica, pois ela se baseia em métodos, e os métodos podem falhar ou se tornarem obsoletos.

luiz carlos disse...

Desde que Galileu quase foi queimado na tal de "Santa Inquisição"por dizer que a Terra girava emtorno do Sol, o que mais tarde ficou mais que provado, depois que o átomo deixou de ser a menor partícula da matéria, porquê haveria vida inteligente somente neste pequenino planeta do Sistema Solar. Será queserá preciso haver guerras, destruições e outros abusos religiosos e políticos para aceitarmos que não estamos sós nesse Universo imensurável. Quanto à religiao, o próprio Cristo Jesus disse: No Reino de Meu Pai existe muitas moradas. Entendam como quiser, mas até na Bíblia, além dessa máxima cristã, existem outras que nos levam a crer que a humanidade não é só a nossa.

Postar um comentário

Comentários inoportunos, idiotas ou ilegais não serão aceitos.