quarta-feira, abril 14, 2010

Russos discutem a criação de defesa contra os asteróides

Cientistas russos discutem plano para o programa de proteção do nosso planeta contra o choque de asteróides e cometas. O projeto da RosCosmos (Agência Espacial Russa) cita o asteróide Apophis, que mede 350 metros e passará raspando a Terra (30.000 quilômetros) em 2029, havendo risco de colisão no ano de 2036, já que ele entrará em órbita.

O programa ainda inclui o estudo sobre as propriedades dos asteróides e a estimativa de suas rotas de colisão. Além disso estão previstos vôos espaciais de reconhecimento, a própria prevenção de colisões, que consiste em destruir astéróides como o Apophis através de mísseis (nucleares?).

Os Russos pretendem mesmo impedir que a Terra seja apedrejada pelo universo, para isso vão buscar a cooperação das agências espaciais de outros países. Isso provavelmente não salvará a Terra mas vai gerar muitos empregos e bastante lucro.

Recentemente a mídia divulgou a opinião de alguns cientistas afirmando que estava fechado o caso da extinção dos dinossauros, que haviam mesmo sido extintos por asteróides. Logo surgiram cientistas falando ao contrário, muito embora a mídia não tenha dado grande alarde para isso, agora eu entendi o motivo.

ESTA INFORMAÇÃO FOI:

0 Comentários sobre esta postagem::

Postar um comentário

Comentários inoportunos, idiotas ou ilegais não serão aceitos.