terça-feira, maio 11, 2010

Camundongo transgênico simula os efeitos do Mal de Parkinson de humanos

Os pesquisadores de Washington criaram o primeiro camundongo transgênico para estudar os primeiros sintomas da doença de Parkinson, fabricaram para isso a mutação genética que é característica na forma humana da doença. O camundongo transgênico, que expressa as mesmas proteínas mutantes dos pacientes de Parkinson humanos, também apresenta os primeiros sinais de constipação e problemas gastrointestinais, que são precursores comuns da doença em seres humanos.

Assim, os pesquisadores da Universidade da Califórnia, San Francisco (UCSF) dizem que esses animais podem servir como um meio de encontrar para reverter a disfunção neurológica da doença em seus estágios iniciais. "Por muito tempo, os investigadores suspeitaram que o componente neurológico do mal de Parkinson, que causa tremores e rigidez, entre outros sintomas, é realmente um efeito em estágio final de um problema maior, sistêmico", diz o Dr. Robert L. Nussbaum, autor sênior da publicação.

"Esse novo modelo que valida a teoria, imitando aquilo que sabemos ser a via genética que leva ao mal de Parkinson, além de exibir os primeiros sintomas que ocorrem nos seres humanos nos dará uma ferramenta importante na identificação de uma intervenção precoce para esta doença devastadora ", disse Nussbaum. O camundondo transgênico UCSF é o primeiro a mostrar os sintomas gastrointestinais completamente e condizente com a progressão da doença em humanos. O estudo foi publicado na última edição da revista Human Molecular Genetics.

ESTA INFORMAÇÃO FOI:

0 Comentários sobre esta postagem::

Postar um comentário

Comentários inoportunos, idiotas ou ilegais não serão aceitos.