quarta-feira, julho 18, 2012

Estudo prova que o Homem de Neandertal utilizava Plantas Medicinais

Pesquisadores da Espanha, Reino Unido e Austrália publicaram a primeira evidência molecular de que os Neandertais não só comiam uma grande variedade de alimentos vegetais cozidos, mas também entendiam de plantas medicinais. O Artigo foi publicado no 17 de julho de 2012, na revista Naturwissenschaften - A Ciência da natureza.

Dez amostras de placa dental calcificada, retiradas de cinco neandertais encontrados na caverna de El Sidrón, na região de Astúrias no Norte de Espanha, foram analisadas ​​por espectrometria e cromatografia. Em pesquisa anterior, alguns dos mesmos cientistas que publicaram este artigo, provaram que os neandertais de El Sidrón tinham o gene da percepção do gosto amargo.

Os pesquisadores descobriram que um indivíduo estava comendo plantas amargas, como a camomila e a mil-folhas, ambas têm pouco valor nutritivo, mas são bem conhecidas nos dias de hoje por suas propriedades medicinais.

A descoberta indica que os neandertais tinham conhecimento suficiente das plantas da região para selecionar e consumir certas espécies objetivando suas propriedades medicinais ou curativas. Este estudo também indica que os neandertais cozinhavam e comiam alimentos ricos em amido.

A evidência de grânulos de amido (a mais antiga já encontrada) datada de cerca de 47.300 a 50.600 anos, e a detecção de vestígios químicos nos dentes da amostra, segundo o estudo, evidenciam uma rica variedade na dieta dos neandertais, mudando a visão anterior de que estes hominídeos eram essencialmente carnívoros.

Fonte: www.examiner.com
ESTA INFORMAÇÃO FOI:

0 Comentários sobre esta postagem::

Postar um comentário

Comentários inoportunos, idiotas ou ilegais não serão aceitos.