terça-feira, março 16, 2010

Batata Mutante da BASF é o Novo Símbolo da Transgenia Alimentar


A Comissão Europeia autorizou o cultivo de batatas geneticamente modificadas da empresa alemã BASF (foto acima). Embora muitos pensem que a Comissão atropelou discussões
sobre o impacto dos alimentos geneticamente modificados na saúde humana. A discussão focada nos alimentos geneticamente modificados voltou a pauta.

Afirmam eles, que nas duas últimas décadas não foram registradas, no mundo todo, doenças ou danos à saúde humana causadas por Organismos Geneticamente Modificados. Os especialistas discordam, os que se opõe avisam que os frutos da engenharia genética são uma bomba-relógio e a humanidade está em risco de buscar para si, consequências imprevisíveis no futuro, quando o pagamento para o descuido da atual geração de terráqueos será cobrado de seus filhos e netos.

Os estusiastas defensores dos organismos mutantes surgem com outra argumentação: "para os Europeus, a transgenia é de grande importância econômica pois possibilita que eles produzam seus próprios frutos e verduras ao longo de todo ano sem a necessidade de importação". Unindo esse argumento com outro igualmente eleitoreiro, o de livrar o mundo da fome, eles conseguem o aval dos governantes. O certo é que não há um consenso sobre este assunto e vai demorar muito até ele existir.

Enquanto isso, a humanidade inteira já consome diariamente grãos, frutas e legumes, bem como óleo refinado, maionese, embutidos, massas, margarinas, chocolates e doces em geral, que contêm subprodutos da soja transgênica. Graças a isso um quarto da industria alimentícia do mundo já funciona a base de organismos genéticamente modificados. Os OGM's já entraram imperceptivelmente em nossas vidas.

ESTA INFORMAÇÃO FOI:

0 Comentários sobre esta postagem::

Postar um comentário

Comentários inoportunos, idiotas ou ilegais não serão aceitos.